Icone de mensagem contato@ovigilanteonline.com Icone de telefone (32) 991734242

Coluna da Débora Melo | Lei da Atração: O que é e como usá-la a seu favor

Débora Melo | Artigo - 26/05/2019 - 19:08 | Atualizado: 09/06/2019 - 11:52


 Por Débora Melo*
Segundo estudos e publicações conhecidas mundialmente, basicamente a Lei da Atração diz que você atrairá para sua vida tudo o que você focar. Então, se você se mantiver focado nas coisas boas, você automaticamente atrairá mais coisas boas e positivas para sua vida. Por outro lado, se você está focado em falta e negatividade, então é isso o que será atraído para sua realidade.

Mesmo que você não acredite na existência da Lei da Atração, não custa nada pensar positivo. Se não lhe fizer bem, certamente mal não fará, portanto, esclarecerei a seguir alguns princípios básicos.

Veja como isso funciona:
Semelhante atrai semelhante. Se você está se sentindo animado, entusiasmado, apaixonado, feliz, alegre, grato ou abundante, então está enviando energia positiva. Por outro lado, se você está se sentindo entediado, ansioso, estressado, irritado, ressentido ou triste, você está enviando energia negativa.

O universo, através da Lei da Atração, responderá com entusiasmo a ambas as vibrações. Ele não decide qual é o melhor para você, apenas responde a qualquer energia que você esteja criando, e lhe dá mais do mesmo. Você recebe exatamente o que você coloca para fora.

Tudo o que você está pensando e sentindo a qualquer momento é basicamente o seu pedido para o universo. Como suas vibrações de energia atrairão para você energias das mesmas frequências, você precisa se ater a enviar continuamente energia, pensamentos e sentimentos que ressoam com o que você quer ser, fazer e experimentar.

Dicas de como “ativar” conscientemente a Lei da Atração:
A primeira coisa que você pode fazer: Concentre-se em pensamentos que fazem você se sentir fortalecido, confiante e capaz.

Liste seus desejos:
Pergunte a si mesmo - O que você gostaria de alcançar? Encontre alguns minutos de paz e tranquilidade e divirta-se com este exercício. Seu objetivo poderia ser "ganhar 20% a mais", "visitar um país onde nunca estive" ou "diminuir a quantidade de cigarros que consumo ao longo do dia". Quanto mais específico você puder, melhor. Revise essas metas com frequência e veja como elas causam uma mudança imediata e positiva em como você se sente.

Cultive a atitude da Gratidão:
Da próxima vez que você não conseguir dormir, tenha que esperar em uma fila longa, ou perceber sua mente vagando em direção a pensamentos desagradáveis (dívidas, saudades do ex, problemas no trabalho, etc.) use isso como um gatilho para criar uma lista mental de coisas pelas quais você é grato. Inclua pequenas coisas como: agradecer pela sua vida, pelos seus amigos, por ter uma casa, por estar saudável, pela sua família... a lista pode ser infinita. Praticando a gratidão diária, você vai aos poucos trazendo para si mais coisas e acontecimentos pelos quais será grato.

Observe suas palavras:
O modo como você fala consigo mesmo é importante porque você é quem está ouvindo. O erro que muitos de nós cometemos é que nos concentramos no que não queremos. 

Ao contrário de dizer: “Não aguento mais ficar doente”, diga: “Sei que vou me sentir melhor a cada dia”. Quando pensar “Droga, como meu salário é ruim”, tente: "Estou aberto a novas oportunidades de ganhar dinheiro". Percebeu a diferença? Se você fizer isso constantemente, certamente atrairá resultados positivos.

Observe ao seu redor: com certeza você conhece alguém que é mais “animado” e “positivo” assim como provavelmente também conheça alguém que é mais “negativo” e “reclamão”. Preste atenção em pessoas com estas personalidades distintas e tire suas próprias conclusões.

Está desanimado e cabisbaixo por causa de um evento/problema específico? Não se preocupe. Isto é normal! Ao se dar conta desse sentimento, basta que você respire fundo e por algum tempo (podem ser segundos) pense em algo que lhe agrada e que lhe traga pensamentos e sentimentos agradáveis e felizes. Esta atitude vai, aos poucos, criando em você o reflexo de substituir pensamentos ruins por bons pensamentos e, quando menos esperar, você terá criado um hábito agradável, comum, e prazeroso! Experimente. Seja cientista!

Portanto, sugiro que, mesmo que você não acredite, tente, sempre que possível, assumir uma postura mais positiva diante da vida. Você se surpreenderá com os resultados!

Fiquem em paz e até a próxima!
* Estudiosa da expansão da consciência e da lei da atração. Pratica meditação, Ho'oponopono, Mecânica Quântica, etc...
Leia também:
► Você é o que pensa







Os comentários são de responsabilidade dos seus autores e não representam a opinião do Jornal O Vigilante Online, que reserva-se o direito de excluir postagens ofensivas, injúrias, xingamentos, ameaças e agressões a quaisquer pessoas.

Logo O Vigilante
Jornal O VIGILANTE ONLINE | HC&P - Copyright © 2009-2019 | Este material não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem autorização
Criado e Desenvolvido por Criado e Desenvolvido por HPMAIS