Icone de mensagem contato@ovigilanteonline.com Icone de telefone (32) 991734242


Paciente da hemodiálise da Casa de Caridade Leopoldinense escreve mensagem de gratidão e amor à vida

O VIGILANTE ONLINE | Leopoldina - 11/01/2020 - 09:11 | Atualizado: 13/01/2020 - 08:33

Bruno Junqueira Reis, de 87 anos, emocionou a todos da CCL com seu texto, lido por sua esposa durante confraternização daquele setor.


Sr. Bruno Junqueira Reis junto de sua esposa Sra Olga, Danuza (coordenadora do Setor de Hemodiálise), Neyla (Psicóloga) e Rafaela (Nutricionista)
Um emocionante depoimento, escrito no último mês de dezembro por um paciente do setor de hemodiálise da Casa de Caridade Leopoldinense (CCL)  por ocasião das comemorações do Natal, foi encaminhado à Redação do Jornal O Vigilante Online pela psicóloga da CCL, Neyla Rayol.

A mensagem, de autoria do Sr. Bruno Junqueira Reis, de 87 anos de idade, foi lida por sua esposa, Sra. Olga, no dia 12 de dezembro durante a festa de confraternização daquele setor da Casa de Caridade. 


Continua depois da publicidade




Morador de Leopoldina, Bruno faz hemodiálise desde 08 de agosto de 2019. Sua esposa Olga sempre o acompanha até a Casa de Caridade Leopoldinense para fazer as sessões de diálise e diz que é muito grata à todos do setor. 

Filho do ex-prefeito de Leopoldina, José Ribeiro dos Reis (Zequinha Reis), "Bruno é um paciente educado, simpático e de uma ótima memória, que adora contar suas histórias", comentou a psicóloga Neyla Rayol.

Confira o texto de autoria do Sr. Bruno Junqueira Reis: 

HEMODIÁLISE 

Hoje, 12 de Dezembro de 2019, Quinta-feira 
Como é bom estarmos juntos e com um único pensamento: 
- A felicidade não está no fim da jornada e sim em cada curva do caminho que percorremos para encontrá-la. 
Assim … Vejo todos cada dia, cada luta, novas esperanças, grandes alegrias, vivendo intensamente com sorrisos e pensamentos positivos. 
Toda vez que a porta se abre … Abre também meu coração. As máquinas nos esperam. E lá … O que vejo?! Vejo as flores, o anoitecer, o grito da esperança, o ardor dos amigos 
E não deixo de pensar … Como é bom ser alegre … Sorrir quando triste … Chorar quando alegre … 
E, assim, vivo feliz! No recanto de nosso espaço, sentindo que a vida existe e agradecendo a todos que conosco ficam. 
E assim … Nos dando o direito de sermos felizes! Um abraço muito especial a todos e a toda equipe... Felicidades e Obrigado! 


(Depoimento e uma mensagem de um paciente - Bruno Junqueira Reis) 
Leopoldina, 12 de dezembro de 2019


Durante a confraternização do setor de HD da Casa de Caridade Leopoldinense, cerca de 250 pessoas, dentre elas pacientes, acompanhantes, familiares, equipe multidisciplinar, motoristas, administração e provedoria da CCL participaram da programação, realizada nos dias 11 e 12 de dezembro.

Jornal O Vigilante Online, com a colaboração de Rafaela Moura
Leia também:

Setor de Hemodiálise da Casa de Caridade Leopoldinense promove confraternização de Natal para pacientes

Divulgação -  Funcionários do setor de Hemodiálise da Casa de Caridade Leopoldinense prepararam com muito carinho a confraternização de Natal dos seus pacientes.



Os comentários são de responsabilidade dos seus autores e não representam a opinião do Jornal O Vigilante Online, que reserva-se o direito de excluir postagens ofensivas, injúrias, xingamentos, ameaças e agressões a quaisquer pessoas.

Logo O Vigilante
Jornal O VIGILANTE ONLINE | HC&P - Copyright © 2009-2020 | Este material não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem autorização
Criado e Desenvolvido por Criado e Desenvolvido por HPMAIS