Falta de energia pode ter estragado 150 vacinas no Polo de Saúde de Leopoldina

De acordo com a ocorrência policial, possivelmente alguém desligou o relógio de energia elétrica. Doses foram enviadas para análise em BH.

Cidade - 09/07/2018 - 10:59:28 | Atualizado: 15/07/2018 - 10:03:48

Aproximadamente 150 frascos de vacinas podem ter se estragado em Leopoldina após uma queda de energia elétrica, no Polo de Saúde Agostinho Pestana. O caso foi registrado na manhã do último sábado (7) pela Polícia Militar e de acordo com o relato da chefe do Setor de Epidemiologia, Maria Emilia T. de Moraes, o vigia do local levou ao conhecimento do setor que o prédio estava sem energia e que possivelmente alguém teria desligado o relógio de energia elétrica daquela unidade. 

Ainda conforme o relato, o relógio medidor da temperatura da câmara fria onde ficam as vacinas estava marcando a máxima de 19,2º e a mínima 4,4º. Segundo a servidora da Secretaria Municipal de Saúde de Leopoldina, o correto seria estar entre 2º a mínima e 8º a máxima. 

Segundo o registro, aproximadamente 150 vacinas variadas ficaram comprometidas e seriam encaminhadas para Belo Horizonte para avaliação. O caso foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Leopoldina.

A Reportagem não conseguiu contato com o setor responsável para comentar o assunto.

Fonte: O VIGILANTE ONLINE


Logo O Vigilante
Jornal O VIGILANTE ONLINE | HC&P - Copyright © 2009-2017 | Todos os direitos reservados
Criado e Desenvolvido por Criado e Desenvolvido por HPMAIS