Mais de cinco mil mulheres foram estupradas em Minas em 2017

Anuário foi divulgado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública nesta quinta (9).


A Lei Maria da Penha, que protege as mulheres, completou 12 anos esta semana.

A Lei Maria da Penha, que protege as mulheres, completou 12 anos esta semana.

Na semana em que a Lei Maria da Penha, de defesa da mulher, completa 12 anos, o Anuário Brasileiro de Segurança Pública revela que os crimes contra elas ainda são numerosos em Minas Gerais. Os casos de estupro, por exemplo, passaram de 4.692 em 2016, para 5.199 em 2017, um aumento de 10,8%.

As tentativas de estupro também subiram de 613 para 628, no mesmo período, uma alta de cerca de 2%. E o feminicídio, que é a morte da mulher pela condição dela ser mulher, teve uma elevação de cerca de 4%, passando de 134, em 2016, para 145, em 2017. Já quanto aos 4.134 assassinatos em Minas, no ano passado, em 344, as vítimas eram mulheres.

O anuário foi divulgado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, em São Paulo, nesta quinta-feira (9).

Fonte: Jornal Hoje em Dia com Liziane Lopes


Logo O Vigilante
Jornal O VIGILANTE ONLINE | HC&P - Copyright © 2009-2017 | Este material não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem autorização
Criado e Desenvolvido por Criado e Desenvolvido por HPMAIS