Correios decidem encerrar serviços do Banco Postal em mais de 10 cidades da região

Por Júlio Cesar Martins | Região - 04/01/2019 - 07:21 | Atualizado: 10/01/2019 - 12:03

Leopoldina e Cataguases permanecem com o atendimento. Confira a relação dos municípios afetados na Zona da Mata.


Foto: Júlio Cabral - Arquivo/O Vigilante

Foto: Júlio Cabral - Arquivo/O Vigilante

Diante de informações que circularam em dezembro a respeito do encerramento das atividades do Banco Postal em algumas unidades da região de Leopoldina e Cataguases, o Jornal O Vigilante entrou em contato com os Correios, com o objetivo de obter esclarecimentos sobre o fim da parceria com o Banco do Brasil, que se vale da rede de atendimento dos Correios para a intermediação de serviços bancários como empréstimos, pagamento de benefício do INSS, recebimento de contas, títulos, tributos, taxas e Contribuições da Previdência (GPS). Em vários municípios chega a ser a única opção de acesso bancário. 

Nesta quinta-feira, 3 de janeiro, os Correios informaram à Redação que os serviços prestados pelo Banco Postal foram encerrados em 44 agências da estatal na Zona da Mata nos dias 12 de novembro, 03 de dezembro e nesta quarta-feira, 2 de janeiro, dentre elas, 12 estão em municípios localizados na região de Leopoldina, que por sua vez, juntamente com Cataguases, permanecem com o serviço. Perderam o convênio na região as cidades de Palma, Argirita, Maripá de Minas, Guarará, Itamarati de Minas, Laranjal, Recreio, Dona Euzébia, Além Paraíba, Santo Antonio do Aventureiro, Estrela Dalva e Volta Grande.

Segundo a Nota enviada pela assessoria de imprensa dos Correios ao jornal O VIGILANTE ONLINE, o encerramento dos serviços do Banco Postal em algumas localidades deve-se a uma decisão conjunta e leva em conta, de modo especial, o atendimento ao cliente. Ainda segundo a Nota, os clientes do Banco Postal já têm como alternativa a utilização de alguns serviços financeiros do portfólio dos Correios nessas agências, como por exemplo o aporte e saque com a possibilidade de pagar contas, como faturas de energia elétrica e água, o vale postal - que permite realizar remessas de valores sem a necessidade de conta bancária, consórcio e títulos de capitalização.

Confira a relação das Agências dos Correios (AC) nas cidades da Zona da Mata afetadas com o encerramento dos serviços do Banco Postal: 

AC Além Paraíba
AC Argirita
AC Belmiro Braga
AC Bicas
AC Chácara
AC Chiador
AC Coronel Pacheco
AC Divinésia
AC Dona Euzébia
AC Dores do Turvo
AC Estrela Dalva
AC Ewbanck da Câmara
AC Goianá
AC Guarará
AC Itamarati de Minas
AC Laranjal
AC Maripá de Minas
AC Matias Barbosa
AC Mercês
AC Oliveira Fortes
AC Paiva
AC Pedro Teixeira
AC Pequeri
AC Piau
AC Piraúba
AC Recreio
AC Rio Novo
AC Rochedo de Minas
AC Bárbara do Monte Verde
AC Santa Bárbara do Tugúrio
AC Santana do Deserto
AC Santo Antônio do Aventureiro
AC Senador Cortes
AC Seritinga
AC Serranos
AC Silveirânia
AC Simão Pereira
AC Tabuleiro
AC Tocantins
AC Volta Grande, além da AC Alameda, AC Independência Shopping, AC Benfica de Minas e AC Espírito Santo, estas em Juiz de Fora. 

Ao final da Nota encaminhada ao Jornal O Vigilante, os Correios informam que além dos serviços que já fazem parte do seu portfólio, em breve, os clientes terão à sua disposição diferentes canais de atendimento com oferta de novas soluções. Neste primeiro momento, serão implantadas agências modulares, conhecidas como store in store, cujo edital já está aberto. Futuramente, outros modelos de agências, diferentes das convencionais, serão implantados.

Fonte: Jornal O Vigilante



Os comentários são de responsabilidade dos seus autores e não representam a opinião do Jornal O Vigilante Online, que reserva-se o direito de excluir postagens ofensivas, injúrias, xingamentos, ameaças e agressões a quaisquer pessoas.

Logo O Vigilante
Jornal O VIGILANTE ONLINE | HC&P - Copyright © 2009-2019 | Este material não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem autorização
Criado e Desenvolvido por Criado e Desenvolvido por HPMAIS