Icone de mensagem contato@ovigilanteonline.com Icone de telefone (32) 991734242

Com projeção nacional, Feira da Paz de Leopoldina começa dia 5 de setembro

O VIGILANTE ONLINE | Leopoldina - 28/08/2019 - 17:56 | Atualizado: 30/08/2019 - 16:53

Em entrevista exclusiva, a presidente da APIL, Elza Peres, e a diretora social da entidade, Márcia Felipe, destacaram a importância do evento. Confira a programação:


O Vigilante Online
Na quinta-feira, 5 de setembro, será oficialmente aberta a XXXI Feira da Paz de Leopoldina, tradicional evento promovido pela Associação das Pioneiras de Leopoldina (APIL), entidade presidida pela Sra. Elza Gama Peres. 

Realizado no Parque de Exposições José Ribeiro dos Reis, o evento receberá durante a solenidade de abertura, marcada para as 10h00, a Bênção do Padre Marcelo Sérgio Barros, Pároco da Igreja do Rosário, em Leopoldina. 


Continua depois da publicidade




Além da Feira de Artesanato que começará logo após a cerimônia de abertura, à noite a festividade contará com a apresentação da Banda Princesa Leopoldina e às 22h00 o melhor do sertanejo, com Giuli Donofre e Banda. 

No dia 06 de setembro, sexta-feira, às 22h00: Pagode GSP - Grupo Simpla. Dia 07 de setembro, sábado, às 22h00: Show com a banda A Positivo. No dia 08, domingo, às 12h00: Almoço e às 17h00: Tarde de Rock com TT Chong e Duas Tribus. 

Em entrevista concedida ao programa jornalístico “Cidade Notícias” desta terça-feira (27), através da Rádio Cidade FM 104,3, a presidente da APIL – Sra. Elza Gama Peres e a Sra. Márcia Felipe – diretora social da entidade, destacaram a importância do evento, frisando o trabalho em conjunto desenvolvido por todas as colaboradoras da APIL. 


Elza Gama Peres esclareceu que o trabalho de preparação da 31ª Feira da Paz foi iniciado em março deste ano, com o convite feito para os artesãos e demais participantes da Feira, vindos de várias regiões do país. 

As representantes da Associação das Pioneiras de Leopoldina também falaram sobre as dificuldades enfrentadas ano após ano para realizar o evento, que contribui com as obras assistenciais da entidade. “Os recursos que conseguimos são destinados em forma de reforma e construções de casas, cirurgias de catarata, colchões d’água, cadeiras de rodas, consultas, apoio em viagens para tratamento médico, dentre outras iniciativas”, esclareceu a presidente da APIL. 

A diretora social enfatizou a projeção nacional alcançada pela Feira da Paz, considerada uma Feira com grande público, o que alegra a todos da APIL. 

Durante a entrevista, D. Márcia antecipou que este ano as barracas participantes da Feira da Paz terão uma novidade: a 'comida de boteco'. “Esse ano nós estamos com duas barracas tradicionais, que são as Barracas do Brasil e da Síria, além das outras barracas, mas todas terão a oportunidade de servir a comida de boteco em todos os dias da Feira da Paz”, concluiu.

Fonte: Jornal O Vigilante Online




Os comentários são de responsabilidade dos seus autores e não representam a opinião do Jornal O Vigilante Online, que reserva-se o direito de excluir postagens ofensivas, injúrias, xingamentos, ameaças e agressões a quaisquer pessoas.

Logo O Vigilante
Jornal O VIGILANTE ONLINE | HC&P - Copyright © 2009-2019 | Este material não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem autorização
Criado e Desenvolvido por Criado e Desenvolvido por HPMAIS